1 de mar de 2010

Post grande, mas post bom (eu acho =P)

Minha história com os deuses começou em 2007.
Não, não foi numa aula de história, nem assistindo Tróia nem nada assim. Na verdade, foi numa comunidade potteriana no Orkut, Alguém Avisa a Warner, onde eu conheci minha querida amiga Elena.

A Elena não é daqui de Goiânia. Ela é de Manaus, e desde que a gente se conheceu, a gente foi encontrando, cada dia mais, coisas em comum, o que nos levava a conversar horas a fio, o que nos fez criar um laço de amizade belo e duradouro.
Enfim, uma coisa que a Elena e eu sempre fizemos foi ter “ataques de fangirl”, que é basicamente gostar tanto de uma pessoa ou coisa que a gente simplesmente não consegue se cansar de falar a respeito. E a gente sempre tá indicando coisas uma pra outra.

Ano passado, Elena me perguntou se eu já tinha lido O Ladrão de Raios. Eu vou ser sincera, eu já tinha ouvido falar, mas não tava botando muita fé. Primeiro que era sobre mitlogia grega, e por mais que eu AME história, mitologia grega realmente não é minha praia (sempre achei os gregos um tanto quanto doentios. Até hoje eu acho, apesar de a minha aversão ter amenizado um pouco, por causa do Riordan). Segundo, porque o personagem principal chama Percy, e quem me conhece sabe que por causa de Harry Potter, eu fiquei odiando qualquer coisa relacionada ao nome Percy (porque ele é um idiota que devia ter MORRIDO em vez do Fred). E por último porque era da mesma editora que publicou Crepúsculo, e como Twilight Hater (longa história), eu não estava muito impressionada.
Mas por causa de “A Menina Que Roubava Livros” (também publicado pela Intrínseca), eu decidi deixar meus preconceitos de lado, e dar uma chance pro pobre garoto.

O resto é história ;D

Na verdade, é história mesmo. Só a Lena sabe as loucuras que passaram pela minha cabeça quando li os livros pela primeira vez (isso, porque ela recebeu cartas contendo minhas primeiras reações – cartas que eu escrevia ENQUANTO lia os livros). Mas basicamente eu adorei. Adorei TUDO. E isso é muita coisa, considerando que eu sou alguém que não gosta de mitologia grega. Eis a prova do quão bom o Riordan é. Todos os dias eu sou grata a ele por ter me apresentado o querido Dioniso, que além de ser super duper legal, vive inventando nomes alternativos pro Percy, o que pra mim é muito útil.

Enfim, agora estamos aqui, montando esse FC. E eu estou TÃO FELIZ, porque mal posso esperar pra conversar com outras pessoas sobre a série, brincar as brincadeiras do acampamento, discutir teorias (se você, como eu, prometeu pra Elena que não leria os livros todos de uma vez em inglês, em vez disso, esperaria enquanto eles são lançados no Brasil, só pra magia durar mais um poquinho).
A gente quer combinar o primeiro encontro pra assistir Percy Jackson no cinema no sábado, dia 13/03, no Goiânia Shopping (único lugar que tem o filme legendado, porque dublado ninguém merece, NÉ?). Tem horário às 14h e às 16h (ou quem sabe mais tarde, se todos preferirem). Se tudo der certo, vai até ter sorteio de ingressos GRÁTIS (todo mundo gosta de brinde ;D). Então, se vocês quiserem ir, ou tiverem alguma ideia, comentem, a gente quer saber o que vocês pensam. A gente quer um FC com a cara de TODO MUNDO, ok? Fale com a gente pelo twitter, Orkut, e-mail... opção é o que não falta, contanto que vocês FALEM, certo?

E é isso, vamos agitar e mostrar pra intrínseca que Goiânia quer invadir o Olimpo #chavõesbestas
Beijo, Dayse D.

Nenhum comentário:

Postar um comentário